Seg12092019

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

Dartagnan Zanela

Dartagnan Zanela

Professor e ensaísta. Autor dos livros Sofia Perennis, O Ponto Arquimédico, A Boa Luta, In Foro Conscientiae e Nas Mãos de Cronos – ensaios sociológicos.

Quinta, 21 Julho 2005 21:00

Modernidade e Espetacularização

Quando pensamos a atual conjuntura política, não temos como nos esquivar da grotesca imagem que nos vem a vista através das mídias que acabam transformando todos os crimes contra a sociedade.

Quarta, 13 Julho 2005 21:00

Carta Aberta aos Mancebos (Releitura)

A juventude é impaciente e arrogante por sua natureza viril, mas, chamar para si a responsabilidade de algo sem conhece-lo e sem ter paciência para compreender as inúmeras tensões que habitam as relações humanas.

Domingo, 26 Junho 2005 21:00

De Cordeiro a Cidadão

Creio que, a mais profunda lição que tais fatos estão a ensinar é para que deixemos de cultuar o Estado como uma via para se solucionar todos os males de nossa sociedade.

As idéias vivem e morrem no coração e nas mentes das pessoas. E é justamente neste recôncavo que elas se encontram mais que vivas.

Terça, 14 Junho 2005 21:00

O Pesadelo Caribenho

Uma coisa deveras irritante é justamente que em uma época em que se fala tanto de terrorismo a mídia tupiniquim não tece um único comentário sequer sobre os terroristas entocados na ilha de Fidel.

Quinta, 09 Junho 2005 21:00

Os Intelectuais e Sua Religião

Por que, ao contrário do deus da foice e do martelo, que é só rancor, E’le, é só amor.

Sábado, 04 Junho 2005 21:00

Coisas de Chico

Se, algum dia, os intelectuais de esquerda forem capazes de realizar esta tarefa hercúlea, não mais teremos a ameaça de subversões totalitárias vinda da mão sinistra.

A esperança é sempre a última que morre, mesmo sendo a primeira a desistir quando vitoriosa, pois, há mais coisas entre os céus plúmbeos e as terras estéreis que o vão esquerdismo petista moralista.

Esse pesadelo de extrema organização teria a sua figura central no Estado, mais frio dos monstros frios, como diria Nietzsche. Esse passaria a controlar todas as dimensões da existência humana, fazendo uso dos mais requintados métodos para tanto.

Sexta, 27 Maio 2005 21:00

Maquiavel em Meio Aos Pinheirais

Uma pelo fato de boa parte deles serem analfabetos funcionais e como tal, por terem decorado algumas regras gramaticais acreditam que sabem ler e assim adentrar toda e qualquer seara do saber e do fazer humanos.

  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.