Sex11222019

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

Dartagnan Zanela

Dartagnan Zanela

Professor e ensaísta. Autor dos livros Sofia Perennis, O Ponto Arquimédico, A Boa Luta, In Foro Conscientiae e Nas Mãos de Cronos – ensaios sociológicos.

Quarta, 23 Outubro 2013 14:29

PALAVRAS PERPLEXAS

A tolerância é um valor importante, não há dúvidas sobre isso. Entretanto, o que é sumamente desdenhado atualmente é que existem atitudes e valores toleráveis e outros tantos que são intoleráveis e que devem ser sumamente descriminados.

Quarta, 16 Outubro 2013 14:46

NÃO ME VENHA COM BAGATELAS

Adquirimos muitos vícios morais e cognitivos devido a várias práticas que vamos assimilando mecanicamente com o devir do tempo. Um destes é a presa em responder a uma observação ou pergunta que nos são apresentadas.

Quarta, 09 Outubro 2013 15:29

ENTRE O GRITO E A CARTA

Hoje, praticamente, o gênero epistolar foi fuzilado pela nossa pressa enlouquecedora. As novas tecnologias aproximaram caracteres digitados impensadamente e palavras fugazes ditas levianamente, ao mesmo tempo em que distanciaram a sinceridade necessária às palavras e olhares que se declaram amigos.

Quinta, 26 Setembro 2013 15:10

ENCONTRO MARCADO COM OS FATOS

Fórmula infalível dum bobo alegre mui crítico: apegar-se a uma teoriazinha bem simplória, materialista e cheinha de chavões para decorar rapidinho e falar bonitinho nas rodas de sociologia de botequim.

Sexta, 20 Setembro 2013 15:23

DESAPEGAR DAS PALAVRAS VAZIAS

Uma pergunta pode vir a ser a chave que abre uma porta para continentes inteiros de conhecimentos que até então nos eram desconhecidos. Entretanto, em muitas ocasiões, uma pergunta pode ser uma armadilha maliciosa que poderá nos arrastar para labirintos infindáveis de ignorância e confusão.

Quinta, 12 Setembro 2013 15:02

AS PATIRAS E SUAS CIFRAS

Toda sociedade tem lá o seu panteão de heróis, cuja memória de seus feitos é celebrada. Inclusive aquelas almas apatetadas que enxovalham a memória das almas exemplares. Estes também têm os seus (que são a sua carinha), ou procuram chamar para si esse tipo de veneração que, diga-se de passagem, lhes é totalmente indevida.

Segunda, 09 Setembro 2013 14:35

VERDE, AMARELO E ALGO MAIS

Em uma de suas Farpas Eça de Queiroz (com Ortigão Ramalho) declara do auto dos umbrais do século XIX, que a soma de milhões de egoísmos não faz uma nação, nem mesmo uma comunidade e muito menos uma família.

Terça, 19 Outubro 2010 08:30

Somente Palavras e Nada Mais

Muitos educadores, cansados ou não, tem apenas em seu horizonte de inquietações o seu ordenado mensal. Muitíssimos alunos vislumbram unicamente a possibilidade de dar um migué em todas as matérias e obter uma aprovação, com ou sem a outorga do conselho de classe.

Segunda, 11 Outubro 2010 10:50

Outra Alocução Inaudita

Certa feita, em uma agradável conversa que mantive com um grande amigo, este falou-me que o papel fundamental daqueles que estão investidos da função de instruir não seria ensinar algo novo e singular, mas sim e tão só lembrá-los o óbvio.

Terça, 05 Outubro 2010 09:46

Uma Alocução Inaudita

No correr dos séculos algo que se faz patente na história da humanidade é a presença do mal e a luta do ser humano contra as suas sombras.

  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.