Seg10232017

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

Dartagnan Zanela

Dartagnan Zanela

Professor e ensaísta. Autor dos livros Sofia Perennis, O Ponto Arquimédico, A Boa Luta, In Foro Conscientiae e Nas Mãos de Cronos – ensaios sociológicos.

Terça, 04 Abril 2017 10:49

REFLEXÕES CÁUSTICAS EM GOTAS

 

 

 

A inferioridade da alma torna-se visível a todos os olhos, inclusive aos mais desatentos, quando o sujeito entrega-se sem muita cerimônia ao visceral remorder-se do ressentimento, seja ele invejo ou não.

Quinta, 23 Março 2017 14:36

BEM LONGE DA CIDADE DAS ESMERALDAS

 

 

 

 Uma das frases mais sonsas ditas pelas pessoas pretensiosamente sabidas é de que a filosofia de forma particular, e a educação de um modo geral, têm por meta “ensinar as pessoas a pensarem”. Vejam só: ensinar a pensar.

Quinta, 16 Março 2017 21:58

TEDIOSAMENTE TEDIOSO

A totalidade da realidade é sempre bem, bem maior que o olhar esquadrinhador de qualquer ofício. Bem maior mesmo. Porém, maior que isso é somente a nossa incapacidade de aceitar e compreender essa patente obviedade.

Quarta, 01 Março 2017 14:53

RABISCOS POLITICAMENTE INCORRETOS

 

 

 

Não se pede para que Deus abençoe nossos pecados. Jamais. Devemos sim pedir humilde e insistentemente para que o Altíssimo perdoe nossa forma porca de viver; devemos pedir força e perseverança para mudarmos de vida, nos converter e crer no Santo Evangelho. É isso. Só isso.

Sexta, 10 Fevereiro 2017 14:18

BOLA DE MEIA

 

 

 

Viver é para os corajosos. Os covardes, por sua deixa, contentam-se apenas em gozar de uma subsistência material vulgar desprovida de qualquer freio moral.

Quarta, 21 Dezembro 2016 10:53

UM SORRATEIRO ARDIL CONTRA A BARCA DE PEDRO

 

 

 

Certa feita o poeta Bruno Tolentino havia definido, com aquele jeitão inconfundível dele, que o ecumenismo nada mais era do que a união de todas as religiões para destruir o Cristianismo. Pra destruir a Igreja Católica em particular e o Cristianismo dum modo geral.

Terça, 22 Novembro 2016 09:21

APENAS UM PUNHADO DE MATUTADAS

Ensina-nos a Sagrada Escritura, juntamente com a sabedoria popular, que as companhias nos corrompem. Dependendo da qualidade delas, nos pervertem pra cacete.

Quarta, 09 Novembro 2016 10:52

OS PÚTRIDOS FRUTOS DA UTOPIA

Já a tigrada ilustra, cheia de salamaleques intelectuais e certificados de não-me-toque, ouve a mesma carapeta e, contrariando a sabedoria matuta, passa a ponderar absurdamente sobre o disparato ouvido e conclui que seria um desatino não labutarmos pela porca utopia que lhes parece ser tão bonitinha quanto ordinária.

É. Por essas e outras que, de todos os sentimentos humanos, o da indignação é, sem dúvida, o menos sincero que existe. Poderoso, mas todo coberto de fingimento.

Pois é. Dessa e doutras formas Deus, o supremo pedagogo, sutilmente mostra-nos o quão tola é a nossa maneira soberba de ser. O quão pequeno e débil somos diante de toda a criação.

  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.