Sex10202017

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

Transcrição

Transcrição

Quarta, 26 Julho 2017 15:29

A OUSADIA DO MST

 

 

 

“Exército de Stédile”, o MST continua a atuar livremente, embora infrinja a lei dia e noite.

Quinta, 20 Julho 2017 16:36

NOVO ATAQUE AO TESOURO

 

 

 

Se os parlamentares aprovarem o projeto do novo Refis, votarão para conceder a si mesmos um benefício tão indecoroso quanto prejudicial à recuperação das contas públicas.

Quarta, 19 Julho 2017 11:32

UM ROMANCE BRASILEIRO

 

 

 

A condenação do ex-presidente Lula a nove anos e meio de prisão pelo juiz Sergio Moro é um capítulo — não o último — de um romance assombroso e tristíssimo.

Terça, 18 Julho 2017 14:00

PROTECIONISMO SUICIDA

 

 

 

Relatório da OMC aponta que o Brasil foi o maior perdedor da política industrial e comercial praticada no governo petista e ainda parcialmente em vigor.

Doutor Janot, se Al Capone fosse vivo, ele e a sua turma de mafiosos seriam estagiários nas empresas dos Batista. Aprenderiam, na bíblia dos irmãos goianos, que o crime no Brasil compensa, mesmo quando os delinquentes são flagrados com os bilhões de reais dos cofres públicos nos bolsos.

Sexta, 14 Julho 2017 15:33

A ETERNA VÍTIMA

A sentença do juiz Sérgio Moro expôs o verdadeiro Lula da Silva, não o personagem que ele criou para sua própria conveniência política, envernizado por marqueteiros contratados a peso de ouro.

Sexta, 14 Julho 2017 15:08

A POLITIZAÇÃO DO JUDICIÁRIO

Nunca, "na história deste país", o Supremo Tribunal Federal teve tanto protagonismo na política nacional. É um fenômeno chamado de "Judicialização da Política", que eu prefiro chamar de "Politização do Judiciário".

Sexta, 07 Julho 2017 11:00

FALASTRÃO E ENGANADOR

 

 

 

O chefão do PT, que enxerga na sua candidatura à Presidência a melhor maneira de se livrar da cadeia, está como sempre no palanque disposto a fazer pouco da inteligência e do discernimento dos brasileiros.

Segunda, 26 Junho 2017 13:54

MILITARES E SEGURANÇA PÚBLICA

 

 

 

O emprego das Forças Armadas para atuar na segurança pública deveria se dar somente em situações críticas, nas quais a polícia se revela incapaz.

Segunda, 26 Junho 2017 13:50

QUESTÃO DE PRIORIDADE

 Apesar da gravidade da crise, bem ou mal as instituições continuam funcionando e é assim que devem prosseguir.

  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.