Qui11152018

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

18 Out 2018

POR QUE A EDUCAÇÃO DA ESTÔNIA FUNCIONA?

Escrito por 

 

 

 

O currículo é constantemente atualizado.“Na Estônia, as escolas e os professores desfrutam de um elevado grau de autonomia na tomada de decisões em todos os aspectos da aprendizagem e do ensino”, completa.

 

É tanta coisa boa que fica até difícil comentar, maior investimento por aluno, apreço a leitura, pacto nacional por isso, aumento salarial, valorização de métodos tradicionais, com inovações quando necessário, interdisciplinaridade, esportes e artes no contra-turno etc. Mas o que mais me chamou atenção foi isso:

As diretrizes do ensino estão no currículo nacional. Mas como aplicá-las fica, em grande parte, a critério de cada escola. Isso significa que as metodologias e até mesmo os ambientes de sala de aula podem ser definidos de acordo com o plano dos professores. “O currículo determina os resultados gerais. A maneira de alcançá-los é escolhida pelos professores”, diz a ministra.

O currículo é constantemente atualizado.“Na Estônia, as escolas e os professores desfrutam de um elevado grau de autonomia na tomada de decisões em todos os aspectos da aprendizagem e do ensino”, completa.

Essa descentralização se tornou regra após a dissolução da União Soviética. Foi quando o governo decidiu dar liberdade às escolas, exigindo delas, por outro lado, a responsabilidade quanto às diretrizes.Cf. BBC

As lições da Estônia, país que revolucionou escola pública e virou líder europeu em ranking de Educação — https://www.bbc.com/portuguese/brasil-45605368?ocid=wsportuguese.chat-apps.in-app-msg.whatsapp.trial.link1_.auin

 

 

 

Anselmo Heidrich

Professor de Geografia no Ensino Médio e Pré-Vestibular em S. Paulo. Formado pela UFRGS em 1987.

Deixe um comentário

Informações marcadas com (*) são obrigatórias. Código HTML básico é permitido.

  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.