Qua07172019

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

06 Ago 2015

A ESQUERDA LATINO-AMERICANA MUDOU?

Escrito por 

Em suma, nós podemos porque queremos algo maior e melhor para o ser humano, a democracia é um engodo de classe e nós vamos penetrar no sistema e subvertê-lo. Isto não tem nada de 'gramscismo', mas um simples jogo político que despreza as instituições e a democracia. Na verdade, em nosso país, a esquerda e a direita tradicionais não são democráticas.

 

Não, a realidade é muito mais simples do que imaginamos.

Há algo que não fecha neste texto. (ler aqui)

É esta história que a partir de um dado ponto na linha de tempo houve uma inflexão, uma curva onde tudo se deteriorou. Isto é mito. Não acredito que as pessoas mudem tando assim, mas sim suas relações (que acabam por moldar instituições). Eu fui simpatizante e militei irregularmente pelo PT nos anos 80 e conheci sindicalizados que atuavam regularmente, a associação com o tráfico de drogas já existia, i.e., já existia desde seus primórdios. Desde a origem.

Isto não significa que eu esteja corroborando com teses conspiratórias a la olavetes para os quais se trata de "um grande plano". Não, nada disto...

Acredito que seja algo mais simples que os motivou neste caminho: assim como a tradicional direita latino-americana partia do princípio de que podia fazer do seu jeito tudo que quisesse para se manter no poder, desprezando as instituições, principalmente porque "elas eram as instituições", para a esquerda qualquer que fosse o caminho ou estratégia estava certo porque "eles estavam do lado da história", cacoete que deriva teoricamente da visão marxista calcada numa teleologia objetiva da história.

Em suma, nós podemos porque queremos algo maior e melhor para o ser humano, a democracia é um engodo de classe e nós vamos penetrar no sistema e subvertê-lo. Isto não tem nada de 'gramscismo' (o Augusto andou lendo muito paranoicos expatriados da Virgínia...), mas um simples jogo político que despreza as instituições e a democracia. Na verdade, em nosso país, a esquerda e a direita tradicionais não são democráticas.

Anselmo Heidrich

Professor de Geografia no Ensino Médio e Pré-Vestibular em S. Paulo. Formado pela UFRGS em 1987.

Deixe um comentário

Informações marcadas com (*) são obrigatórias. Código HTML básico é permitido.

  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.