Dom09152019

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

18 Dez 2010

E a Autonomia do Estado Para Legislar Sobre Jogos?

Escrito por 

Certamente é da autonomia dos estados esse e muitos outros temas, a existência de cassinos, bingos e outros jogos.

 

Se houvesse respeito à cláusula "pétrea" da Constituição Federal que trata sobre a manutenção do modelo federativo do Brasil, esse assunto jamais deveria ser objeto de decisão central e sim de cada estado. É tão simples resolver esse assunto... basta respeitar a Constituição.

Certamente é da autonomia dos estados esse e muitos outros temas, a existência de cassinos, bingos e outros jogos.

E mais certamente ainda, o direito dos municípios em decidir se aceitaria ou não, nos estados onde fosse autorizado o jogo.

Deve caber ao cidadão o direito de decidir, em conjuntos locais – cidades, vilas e até bairros -  se aceitam jogos dessa natureza e, finalmente, ao indivíduo, decidir se joga ou não, onde fosse autorizado.

Enquanto "meia dúzia" de pessoas em Brasília se acham melhores do que 195 milhões de brasileiros, ao decidir por eles - tadinhos, somos realmente imbecis, sem capacidade de julgamento e decisão próprias! - vamos continuar a assistir milhares de brasileiros irem ao Paraguai, Argentina e Uruguai para deixar lá recursos que poderiam ficar aqui.

Lavagem de dinheiro? Ao invés de proibir ou criar tanta burocracia, que se prenda gente que for flagrada ou comprovadamente fazendo isso e pronto. Mas, parece ser melhor manter proibido, porque isso gera caixa 2, 3, 4, 5... para muita gente que tem o poder da caneta, de influências e de coerção...esta é a verdade, poucos estão realmente preocupados com o vício...

Última modificação em Segunda, 10 Março 2014 20:33
Thomas Korontai

Thomas Korontai é consultor em propriedade industrial e Presidente Nacional do Partido Federalista.

Deixe um comentário

Informações marcadas com (*) são obrigatórias. Código HTML básico é permitido.

  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.