Qui04152021

Last updateDom, 01 Set 2013 9am

07 Nov 2005

Os Foras-da-Lei, os Mal-Educados e o Corinthians

Escrito por 
O jornal britânico “The Times” estampou manchete sobre a vinda de Bush à América Latina com rápida passagem pelo Brasil: “Bush vai para a terra dos foras-da-lei.”

O jornal britânico “The Times” estampou manchete sobre a vinda de Bush à América Latina com rápida passagem pelo Brasil: “Bush vai para a terra dos foras-da-lei.”

Já o sociólogo e fundador do PT, Francisco de Oliveira, disse que Lula é um “político bisonho”. Aos dirigentes do partido: “como políticos, todos que estão no PT hoje, nos organismos de direção, revelaram-se bisonhos, tacanhos, aquém da esperança do povo brasileiro. Para Oliveira, o final do governo(?) Lula será “medíocre”, “não só pelo desempenho frouxo das políticas sociais, que eram a marca registrada do PT, como pelo fato de conseguir uma política econômica conservadora. Além disso, gesta crises políticas todos os dias, devido à tentativa de tornar-se uma espécie de partido único”.

A CPI da Terra revelou auditoria feita pelo TCU (Tribunal de Contas da União) em 74 convênios feitos entre o governo e entidades ligadas ao MST, e deve convocar o ex-presidente do PT, Tarso Genro, e o presidente do Incra, Rolf Kackbart, para explicarem supostas irregularidades em contratos com a Anca (Associação Nacional de Cooperação Agrícola) e Concrab (Confederação das Cooperativas de Reforma Agrária). Tarso explica a suspeita do desvio de verbas do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) para a festa de comemoração de 20 anos do MST, e Kackbart a suspeita de desvio de recursos orçamentários definidos à aquisição de imóveis para a reforma agrária. O dinheiro teria pago seminários e cursos do MST.

No ranking elaborado pela ONG Social Watch, o Brasil ocupa o 94º lugar quando o assunto é área social e combate às desigualdades e, como país de nível baixo em desenvolvimento social, iguala-se ao Congo!, Zimbábue!, Namíbia!, Sudão!, República Dominicana!, Colômbia!, Equador!, Peru!, Azerbaijão!, Síria!, Chega!

Segundo Reinaldo Gonçalves, professor de economia internacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o índice de desenvolvimento econômico brasileiro em relação à economia mundial (2003 a 2006), ficará negativo em 1,4 ponto percentual/ano. Entre 25 presidentes da República, será o terceiro pior resultado desde 1901. Índice negativo é sinal de subdesenvolvimento, lembrou o professor.

No começo do ano o Ministério dos Transportes planejou investir R$ 6 bilhões em manutenção e recuperação de rodovias. Mas Lula, por meio de decreto, reduziu os gastos a R$ 3,8 bilhões. No mesmo período a defesa sanitária de Mato Grosso do Sul pediu ao governo federal R$ 12 milhões para utilizar contra a febre aftosa. Conseguiu apenas R$ 3,5 milhões e o dinheiro ainda não chegou. Conclusão: a conversa para boi dormir de Lula vai ter de acabar por falta de platéia.

Lula ria a cada pergunta feita sobre os US$ 3 milhões do Cubagate. Depois queixou-se de que os jornalistas foram “mal-educados” ao insistirem nas perguntas. É que a lei proíbe que os partidos recebam dinheiro do exterior. Se provada a acusação, pode-se cancelar o registro do PT, impedindo as candidaturas dos filiados do partido, inclusive a do educado Lula que não tem coragem de enfrentar coletiva com a imprensa e deixar tudo esclarecido.

Não há mais como suportar provocações diárias como as de Aldo “Pererê” Rebelo (PC do B) dizendo que Lula e José Dirceu “nunca foram amigos”; como o maior esquema de corrupção já visto no País; como Vavá, irmão de Lula, dando um de lobista; como os milhões que a Telemar despejou na empresa do filho de Lula; os dólares na cueca; deputados que sacaram das contas de Marcos “Mensalão” Valério; as malas de dinheiro; o assassinato do petista Celso Daniel; o desespero de José Dirceu; o dinheiro de caixa 2 recebido por Duda Mendonça no exterior; o caixa 2 do PT confessado por Delúbio - tido como comum por Lula-lá na França e tido como “coisa de bandido” por Márcio Thomaz Bastos -; o suposto dinheiro recebido pelo PT das Farc, do Cubagate e agora os R$ 10 milhões que irrigaram o “valerioduto” que o Banco do Brasil desviou para o PT por intermédio de verbas de publicidade da Visanet, empresa da qual o banco possui 33% do capital! É dinheiro público, de nós arrancado e que foi parar no PT!

No blog de Paulo Markun, do Roda Vida, ao acertar detalhes do programa no qual Lula participará, o jornalista diz que, mais do que os dólares supostamente vindos de Cuba, “o que está preocupando” Lula é o Corinthians, pois “acha que a contusão de Roger, o meia do time, que quase quebrou o tornozelo no jogo contra o Vasco, em que o Timão empatou por um a um, pode fazer com que o time perca o ritmo”.

Ah, esses jornalistas mal-educados de alma pequena que só perguntam coisas sem importância!

O jornal britânico “The Times” estampou manchete sobre a vinda de Bush à América Latina com rápida passagem pelo Brasil: “Bush vai para a terra dos foras-da-lei.”

Já o sociólogo e fundador do PT, Francisco de Oliveira, disse que Lula é um “político bisonho”. Aos dirigentes do partido: “como políticos, todos que estão no PT hoje, nos organismos de direção, revelaram-se bisonhos, tacanhos, aquém da esperança do povo brasileiro. Para Oliveira, o final do governo(?) Lula será “medíocre”, “não só pelo desempenho frouxo das políticas sociais, que eram a marca registrada do PT, como pelo fato de conseguir uma política econômica conservadora. Além disso, gesta crises políticas todos os dias, devido à tentativa de tornar-se uma espécie de partido único”.

A CPI da Terra revelou auditoria feita pelo TCU (Tribunal de Contas da União) em 74 convênios feitos entre o governo e entidades ligadas ao MST, e deve convocar o ex-presidente do PT, Tarso Genro, e o presidente do Incra, Rolf Kackbart, para explicarem supostas irregularidades em contratos com a Anca (Associação Nacional de Cooperação Agrícola) e Concrab (Confederação das Cooperativas de Reforma Agrária). Tarso explica a suspeita do desvio de verbas do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) para a festa de comemoração de 20 anos do MST, e Kackbart a suspeita de desvio de recursos orçamentários definidos à aquisição de imóveis para a reforma agrária. O dinheiro teria pago seminários e cursos do MST.

No ranking elaborado pela ONG Social Watch, o Brasil ocupa o 94º lugar quando o assunto é área social e combate às desigualdades e, como país de nível baixo em desenvolvimento social, iguala-se ao Congo!, Zimbábue!, Namíbia!, Sudão!, República Dominicana!, Colômbia!, Equador!, Peru!, Azerbaijão!, Síria!, Chega!

Segundo Reinaldo Gonçalves, professor de economia internacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o índice de desenvolvimento econômico brasileiro em relação à economia mundial (2003 a 2006), ficará negativo em 1,4 ponto percentual/ano. Entre 25 presidentes da República, será o terceiro pior resultado desde 1901. Índice negativo é sinal de subdesenvolvimento, lembrou o professor.

No começo do ano o Ministério dos Transportes planejou investir R$ 6 bilhões em manutenção e recuperação de rodovias. Mas Lula, por meio de decreto, reduziu os gastos a R$ 3,8 bilhões. No mesmo período a defesa sanitária de Mato Grosso do Sul pediu ao governo federal R$ 12 milhões para utilizar contra a febre aftosa. Conseguiu apenas R$ 3,5 milhões e o dinheiro ainda não chegou. Conclusão: a conversa para boi dormir de Lula vai ter de acabar por falta de platéia.

Lula ria a cada pergunta feita sobre os US$ 3 milhões do Cubagate. Depois queixou-se de que os jornalistas foram “mal-educados” ao insistirem nas perguntas. É que a lei proíbe que os partidos recebam dinheiro do exterior. Se provada a acusação, pode-se cancelar o registro do PT, impedindo as candidaturas dos filiados do partido, inclusive a do educado Lula que não tem coragem de enfrentar coletiva com a imprensa e deixar tudo esclarecido.

Não há mais como suportar provocações diárias como as de Aldo “Pererê” Rebelo (PC do B) dizendo que Lula e José Dirceu “nunca foram amigos”; como o maior esquema de corrupção já visto no País; como Vavá, irmão de Lula, dando um de lobista; como os milhões que a Telemar despejou na empresa do filho de Lula; os dólares na cueca; deputados que sacaram das contas de Marcos “Mensalão” Valério; as malas de dinheiro; o assassinato do petista Celso Daniel; o desespero de José Dirceu; o dinheiro de caixa 2 recebido por Duda Mendonça no exterior; o caixa 2 do PT confessado por Delúbio - tido como comum por Lula-lá na França e tido como “coisa de bandido” por Márcio Thomaz Bastos -; o suposto dinheiro recebido pelo PT das Farc, do Cubagate e agora os R$ 10 milhões que irrigaram o “valerioduto” que o Banco do Brasil desviou para o PT por intermédio de verbas de publicidade da Visanet, empresa da qual o banco possui 33% do capital! É dinheiro público, de nós arrancado e que foi parar no PT!

No blog de Paulo Markun, do Roda Vida, ao acertar detalhes do programa no qual Lula participará, o jornalista diz que, mais do que os dólares supostamente vindos de Cuba, “o que está preocupando” Lula é o Corinthians, pois “acha que a contusão de Roger, o meia do time, que quase quebrou o tornozelo no jogo contra o Vasco, em que o Timão empatou por um a um, pode fazer com que o time perca o ritmo”.

Ah, esses jornalistas mal-educados de alma pequena que só perguntam coisas sem importância!

André Plácido

André Arruda Plácido nasceu em Pirajuí (SP) e é cidadão português. Reside em Londrina (PR) onde graduou-se em Relações Públicas e Teologia. Em Bauru (SP) concluiu o curso de Jornalismo. Fez especialização em Comunicação e Liderança em Missões Mundiais pelo Haggai Institute em Cingapura. É professor de comunicação, poeta, radialista, cronista e fotógrafo.

Website.: fotologue.jp/andrearrudaplacido
  • Copyright © 2007. www.rplib.com.br . Todos os direitos reservados.

    Republicação ou redistribuição do conteúdo do site RPLIB é permitido desde que citada a fonte. O site RPLIB não se responsabiliza por opiniões, informações, dados e conceitos emitidos em artigos e colunas assinados e nos textos em que é citada a fonte.